0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

A primeira página do Google é um dos maiores alvos do marketing digital. Afinal, estamos falando do principal canal de busca dos internautas, no qual a maioria das pessoas navega e pesquisa soluções para seus desejos e necessidades.

Por isso, o site do seu hotel precisa estar bem posicionado nos resultados do Google. É isso que nossa agência de marketing para hotéis vai fazer pela sua empresa. Mas, a pergunta que muitos fazem é: quando? Em quanto tempoo site do hotel aparecerá na primeira página do Google?

Se você já pesquisou sobre essa questão, provavelmente já se deparou com a resposta: depende. De fato, muitos fatores podem retardar ou acelerar o posicionamento do seu conteúdo nas melhores classificações do Google. Porém, um recente estudo da ahrefs nos oferece uma previsão melhor do que “depende”.

Confira com os especialistas da WebSocorro quanto tempo o seu site pode conquistar as melhores colocações no principal buscador do mundo e quais fatores influenciam o processo.

Por que colocar site na primeira página do Google

Os dados apontam que mais de 100 bilhões de pesquisas por mês são feitas no Google. Nesse meio tempo, 60% dos cliques ocorrem nos três primeiros resultados. Sendo que 34,36% dos cliques são direcionados à primeira colocação orgânica (não paga). Além disso, 75% dos usuários nunca passam da primeira página do Google.

Você até pode pensar que os anúncios são a solução para subir neste ranking. Mas, como explicamos no post sobre link patrocinado e busca orgânica, a concorrência está cada vez mais acirrada e, consequentemente, as campanhas patrocinadas exigem orçamentos cada vez maiores.

Fora o problema do orçamento e a dificuldade de conseguir um bom retorno sobre o investimento, os usuários acabam preferindo conteúdos “naturais” (não pagos). Segundo levantamentos feitos pela Search Engine Land, uma média de 70% a 80% dos internautas ignoram completamente os anúncios pagos.

Então, o marketing hoteleiro tem o desafio de colocar sua empresa na primeira página do Google sem contar tão somente com links patrocinados. Sem dúvida, isso exige algum tempo e muito empenho. Continue lendo e entenda a “mágica” por trás do nosso trabalho.

Como aparecer na busca do Google grátis

Em primeiro lugar, entenda “grátis” como não pago / orgânico. Ou seja, sem investir em anúncios.

Antes de tudo, é importante verificar se o site do seu hotel aparece em alguma página do Google. Ou seja, se está indexado.

Após realizar essa verificação por meio de ferramentas específicas, também é importante entender como a busca orgânica do Google funciona

Há milhões de sites indexados no Google e outros são criados ano após ano. De fato, nem todos com o mesmo propósito ou segmento, mas muitos semelhantes concorrendo entre si.

Assim, quando o usuário faz uma pesquisa, o buscador usa seu algoritmo para identificar aqueles de melhor qualidade relacionados ao termo usado. Então, o mecanismo apresenta as informações ao usuário.

Busca orgânica

O objetivo do Google é fornecer a melhor resposta para as questões dos internautas. Pois, assim, eles terão uma experiência positiva e, possivelmente, continuarão usando seu pesquisador.

Para isso, o algoritmo adota diversos critérios para classificar os conteúdos na primeira página do Google em diante. Alguns dos fatores mais relevantes são:

  • Qualidade do conteúdo (se responde às dúvidas do usuário da melhor maneira possível, de forma mais completa e de acordo com a sua intenção de busca);
  • Velocidade de carregamento das páginas do site;
  • Layout (se tem boa performance em dispositivos móveis. Ou seja, se é mobile first);
  • Tags otimizadas (título, descrição da página e etc.);
  • Autoridade do domínio e da página;
  • Formatação das URLs do site;
  • Links;
  • Entre outros quesitos técnicos.

Vence a disputa aquele que somar mais atributos dentro desses fatores.

Quais os primeiros passos para seu hotel aparecer na primeira página do Google

Antes de mais nada, é preciso começar corretamente seu marketing digital para hotéis. Isso significa montar um planejamento estratégico e colocar ordem na casa antes de atrair uma audiência maior.

Assim, é fundamental contar com uma consultoria estratégica com o intuito de diagnosticar a situação atual da sua empresa. Em seguida, captar depoimentos positivos de hóspedes anteriores e trabalhar a prova social, bem como o posicionamento da marca em todos os canais.

Depois de criar bases sólidas, podemos entrar com as estratégias. Em suma, os primeiros passos para subir no Google envolvem:

  • Pesquisar tópicos e palavras-chave relacionadas ao negócio;
  • Filtrar palavras-chave com intenção de informação (melhores destinos, como chegar, fica perto de onde e etc.);
  • Filtrar palavras-chave mais relevantes para o negócio;
  • Filtrar pela dificuldade de ranquear com tal palavra-chave;
  • Analisar a quantidade de backlinks (links externos) que os concorrentes têm para ter uma ideia de quantos serão necessários para competir com eles;
  • Analisar o formato dos primeiros resultados (blog, site, buscadores, produtos de e-commerce, vídeo, etc.).

Produção de conteúdo orgânico

Conforme mencionamos anteriormente, um dos quesitos para aparecer e progredir na primeira página do Google é a qualidade do conteúdo.

Conteúdo é todo tipo de informação: texto, imagem, vídeo, gráficos e etc. O Google está cada vez mais inteligente e consegue entender a intenção de busca do usuário.

Vale ressaltar que nem sempre o usuário busca por um produto / serviço em si. Em muitos casos, as pessoas só querem informação para algum tipo de problema / desejo que estão tendo, sem apresentar inicialmente uma intenção de compra.

Por exemplo, um homem que pretende fazer uma surpresa para sua esposa no dia do aniversário de casamento, mas que precisa de ideias românticas para a ocasião.

Nesse exemplo, esse homem ainda não pensou em viajar, muito menos em se hospedar em um hotel. Mas, digamos que, em um dos conteúdos encontrados na busca, ele viu e gostou da opção de sair da rotina e viajar pela região. Se esse conteúdo foi produzido pelo seu hotel, você acabou de começar um relacionamento com um potencial cliente!

Em seguida, imagine que esse usuário continue pesquisando sobre o assunto e sua empresa preparou uma lista de pontos turísticos românticos da sua área de atuação. Esse homem pode se interessar e baixar esse material em troca das suas principais informações de contato.

Então, a sua empresa envia e-mails esporádicos com mais algumas informações sobre o destino e dicas para curtir um passeio a dois. Até esse usuário apresentar uma intenção de compra. Por exemplo, visitar a página de tarifário, das acomodações e até mesmo os depoimentos de hóspedes anteriores do hotel.

É nessa hora que você pode (e deve!) enviar uma oferta especial, perfeita para o momento a dois que esse potencial cliente deseja.

Jornada de compra

Isso é o que chamamos de aproveitar os micromomentos, usar gatilhos para conduzir o cliente do mercado hoteleiro no caminho da reserva direta.

Esses gatilhos precisam estar de acordo com a chamada jornada de compra, também denominada jornada do consumidor. Ela é composta por etapas nas quais o cliente passa até de fato efetuar uma compra. Quais sejam:

  • Conhecimento: no exemplo, o homem só precisava de ideias românticas para comemorar o aniversário de casamento e surpreender positivamente sua esposa;
  • Consideração: aqui, ele já identificou que viajar pode ser uma boa ideia, mas precisa pesquisar mais sobre o assunto;
  • Decisão: ele está parcialmente decidido e busca validar suas opções. Então, pesquisa por depoimentos de hóspedes anteriores (busca uma prova social).

Além de produzir conteúdo para cada um desses estágios da jornada de compra, é fundamental diversificar o formato desse conteúdo. Ou seja, fazer uso de:

  • Posts em redes sociais;
  • Blogs;
  • Newsletter e nutrição via e-mail;
  • Vídeos;
  • E etc.

Assim, apontando essa variedade de conteúdo para as páginas do seu site, vamos construindo a autoridade do seu domínio e das páginas que o compõem. Desse modo, é possível subir na classificação do Google.

SEO

Ainda em se tradando da produção de conteúdo, esta pequena sigla faz toda a diferença para aparecer e permanecer na primeira página do Google, o SEOSearch Engine Optimization. Em português, Otimização para Mecanismos de Busca.

SEO - Otimização de sites para subir na primeira página do Google

Já esclarecemos como é importante produzir conteúdo relevante para seu público, mas de nada adianta se essa informação não for otimizada. Em suma, o SEO se trata de técnicas capazes de tornar essas informações mais fáceis de serem compreendidas tanto pelo motor de busca quanto pelos usuários.

Assim, cada peça de conteúdo deve ser pensada tendo em vista:

  • A legibilidade (facilidade de leitura / consumo da informação);
  • Palavras-chave usadas e suas aplicações ao longo do conteúdo;
  • Títulos chamativos capazes de estimular cliques;
  • Descrições de página complementares;
  • Imagens compactadas visando menos tempo de carregamento da página;
  • Extensão do conteúdo e das frases;
  • Links internos (da página do site para outra) e externos (para outros sites relevantes para o leitor);
  • E entre outros cuidados técnicos.

Distribuição do conteúdo

Após publicar o conteúdo no seu blog, por exemplo, você vai querer levá-lo ao máximo de pessoas possível, não é verdade?  Para isso, é necessário fazer sua distribuição pelos canais da empresa. Só para exemplificar, nas redes sociais e por e-mail. Mas, podem existir outras formas específicas para o seu hotel.

Essa distribuição pela web também conta pontos para colocar seu site na primeira página do Google, pois atrai visitantes, mostrando que seu conteúdo é relevante, e ainda aponta mais links para seu domínio.

A importância dos backlinks

Backlinks são links de outros sites para o site do seu hotel. O primeiro passo para conseguir esse tipo de linkagem é produzir conteúdo relevante. Afinal, ninguém vai querer fazer uma referência às suas páginas se elas não tiverem nada de interessante.

Isto posto, é importante conquistar backlinks para o seu site, pois o volume e a qualidade desses links ajudam a construir a sua autoridade. Quanto mais backlinks de qualidade o seu site conseguir, mais fácil subirá para o topo do Google.

Uma estratégia de SEO para hotéis feita por uma agência especializada, como a WebSocorro, trabalhará visando esse posicionamento da sua marca.

Análises e atualização das estratégias

Em seguida, após passar por todas as etapas de produção, otimização e distribuição de conteúdo, é essencial mensurar os resultados. O seu site está aparecendo nos primeiros resultados do Google? Se não, o que está atrapalhando?

Os profissionais da WebSocorro contam com ferramentas tecnológicas capazes de acompanhar o progresso das estratégias. Assim, conseguimos identificar gargalos e propor ações mais eficientes para cada tipo de situação.

Dessa maneira, analisamos o funil de vendas da empresa a fim de entender o foco do problema. Esse funil é representado pelas etapas principais, a saber:

  • Visitantes;
  • Leads;
  • Oportunidades;
  • Clientes.

Se o problema for o tráfego do site, podemos criar formas de impulsionar os conteúdos criados. Aí sim vale a pena criar campanhas de links patrocinados. Usada em sintonia com a busca orgânica, a mídia paga é uma ótima aliada para destacar seu hotel.

Mas, se o problema for a geração de leads (contatos coletados), podemos aprimorar os mecanismos do site com o objetivo de estimular o usuário a fornecer seus dados. Só para ilustrar, criar uma landing page focada em conversão.

Por outro lado, se o problema estiver no meio para o fundo do funil, ou seja, na parte de oportunidades e fechamentos em clientes, nosso time de consultores de vendas entra em jogo para alinhar o marketing com o departamento comercial da sua empresa.

Desse modo, sincronizando todos os pontos, criamos uma máquina de vendas. Porém, essa máquina requer manutenção. Portanto, precisamos sempre atualizar tanto os conteúdos quanto a forma como ele é entregue aos usuários.

Logo, é um trabalho contínuo, com previsões de curto, médio e longo prazo.

Quando o conteúdo chega à primeira página do Google

Finalmente, agora que você entende um pouco do processo para colocar um site no topo do Google, bem como a importância desse esforço, a pergunta que não quer calar é: em quanto tempo? Quando as páginas vão aparecer nos primeiros resultados?

Você já sabe que isso depende de muitos fatores, mas queremos dar uma estimativa melhor que essa. Assim, vamos aos fatos levantados pelo ahrefs:

“Em média, as primeiras colocações (1ª à 3ª) são preenchidas por páginas criadas há mais de 2 anos.”

Além disso, ainda de acordo com os dados:

Apenas 5,7% dos resultados encontrados na primeira página do Google são referentes a conteúdos criados em 1 ano.

Ou seja, as primeiras classificações, em geral, são dominadas por páginas mais “antigas”.

Analisando a fundo esse cenário, percebemos que:

“Os conteúdos do Top10 do Google criados em menos de 1 ano levaram, em média, 2 a 6 meses para obter essa colocação.”

Sem dúvida, isso só é possível somando os principais fatores de otimização citados anteriormente.

Mesmo assim, esses sites representam apenas 5,7% da primeira página do Google. Por outro lado, quase 95% de todas as páginas publicadas na web não conseguem aparecer no mecanismo de busca nesse período.

O que isso significa

Até aqui, você pôde perceber que colocar um site na primeira página do Google exige:

  • Entendimento do negócio;
  • Planejamento estratégico;
  • Processos claros e executados com precisão;
  • Análise criteriosa;
  • Ajustes e aplicação de melhorias;
  • Replicação das estratégias.

Consequentemente, isso leva tempo.

Porém, como os levantamentos indicam, o Google aprecia esse tempo. De modo que valoriza as páginas criadas há mais de 2 anos.

Isso significa que construir a autoridade e a presença digital da sua marca é um processo contínuo, que deve ser avaliado a curto, médio e longo prazo. Sim, os primeiros resultados surgem ao longo do primeiro ano das ações, mas para conquistar voos maiores, é necessário persistir de 2 anos a mais.

Os conteúdos relacionados à sua empresa têm mais chances de se posicionar no topo do principal motor de busca quando mais amadurecidos. Sem dúvida, isso fará toda a diferença no resultado que mais importa: fechar mais vendas na hotelaria.

Por isso, na WebSocorro, trabalhamos com contratos de 12 meses, pois é o prazo mais significativo para apresentar relatórios que de fato transmitam a relevância das nossas ações.

Se o cliente interromper as estratégias antes desse período, não significa uma falha nas ações. Mas sim que não houve tempo hábil para colher os frutos do marketing digital.

Por exemplo, em 12 meses aplicando o raciocínio que apresentamos neste post, conseguimos aumentar em mais de 540% o tráfego orgânico do site da Nascente Azul (clique no link para ver o case de sucesso).

Amadureça o Marketing Digital do seu hotel

Portanto, se você realmente deseja alavancar seu hotel e aumentar suas vendas por meio do marketing digital, dê tempo para as estratégias amadurecerem e florescerem!

Confie em profissionais com experiência no setor hoteleiro e acompanhe o progresso do trabalho ao longo de no mínimo 12 meses. Se tudo for feito corretamente, os resultados começarão a aparecer nesse período. Em seguida, a sua empresa poderá conquistar a primeira página do Google. Então, invista constantemente na presença digital da sua empresa e siga para o grande alvo — mais faturamento e retorno sobre o investimento. Assine nossa newsletter para continuar aprendendo mais dicas como essas.